Anúncio 680 x 110 px

O Fazendeiro, o Moita e o Leão - As Crônicas de Paulínia.

O Fazendeiro, o Moita e o Leão
Não é nenhum filme das "Crônicas de Nárnia". - É sim a realidade que Paulínia vive hoje. A cidade virou uma enorme fazenda latifundiária que só visa lucro ao fazendeiro que a governa. Inflando um "Ego" que não tem fim. Aplicando uma cultura de planta e colhe, mais não aduba nem cuida do solo. Paulínia é isso gente, esta sendo sugada em suas vitaminas e minerais ( 1 Bilhão de Reais ) e nada está ficando para a população. Enquanto isso no meio dessa plantação tem um "Moita". Pessoa que diz ser um novo nome para Paulínia.

O que na verdade não é verdade! De novo não tem é nada. Gente que fica só observando os acontecimentos tristes como se estivesse na vitrine vendo um produto, ou no cinema vendo um filme. Esse aí é muito moita, mais vou te falar uma coisa. Para mim tem outro nome: Rabo Preso ou Covarde. O que esses dois personagens não contavam é que surgiria entre eles, nessa fazenda, o Leão e sua Alcatéia. Enquanto o Fazendeiro extrai as riquezas e o Moita não faz nada, o Leão surgi e consegue unir em volta de si um grupo - uma alcatéia - que resolveu lutar pela população. Juntos estão fazendo a diferença e com isso conseguindo chamar a atenção de muitos políticos que achavam estar sossegados para fazer o que quiser na grande fazenda chamada Paulínia. Quando o "Leão" ruge parece até estremecer as fundações de certos partidos políticos aqui em Paulínia. Todos ficam tentando desesperadamente atacar a "Alcatéia", mais percebem que é tudo em vão. Vou só adiantar uma coisa. Esse grupo vai continuar combatendo e denunciando, estão bem organizados e vão limpar essa cidade. Livrando a população das garras desse fazendeiro e do moita que não passa de uma praga.

SWU - O Armagedom em Paulínia.
Está se aproximando o mais temível evento que Paulínia já sediou.O "SWU - Começa com Você" é um festival que prega a sustentabilidade, mais será que a cidade esta preparada para sustentar esse evento. Teremos diariamente uma média de 70 mil pessoas a mais circulando na cidade, dentre eles gente de todo lugar do planeta. Com um acampamento projetado para 10 mil pessoas, ou seja, um novo bairro na cidade de Paulínia surgirá do nada. Imaginem isso em questões de segurança, planejamento urbano, saúde e outras várias necessidades que esse povo vai precisar. Sabe-se que as Secretarias da Prefeitura de Paulínia tem dificuldade de trabalhar em parceria umas com as outras, muitas até trabalham isoladas mesmo. Nesse evento irão precisar muito trabalhar em conjunto, será que isso vai acontecer de forma clara e objetiva? - Tomara que a população da cidade não sofra com isso, oque acho difícil. Porque o paulinense ainda não aprendeu a questionar de forma adequada os seus direitos e vai pagar um alto preço pela sua inércia. Eu como munícipe vou dar um conselho, não saiam de casa durante o evento, não fiquem doentes e na verdade não existam. Façam de conta que não vivem aqui, porque se precisar dos aparelhos públicos ai vai ficar vendido. A atual gestão pública já não está dando conta de nós paulinenses, imaginem se vão dar conta de uma torre de babel dessas.


Programa "Bolsa Tartaruga" vai dar R$ 500,00
É isso mesmo! Agora teremos em Paulínia o "Bolsa Tartaruga." Se você for criador de uma Tartaruga em seu quintal vai poder usufruir do benefício de R$ 500,00 durante um ano. Comecei assim esse sub-título da minha postagem só para vocês perceberam o impacto que uma notícia acompanhada de valores em dinheiro causa. Em nossa inédita audiência sobre a "Bolsa Amamentação" houve lideranças do governo dizendo achar um absurdo adolescentes ficarem grávidas só para ganhar o benefício. Acontece que o ser humano é muito complexo e eu sinceramente não correria o risco de fazer uma afirmação dessas. Quantos aqui ao lerem as primeiras linhas não pensaram em arrumar uma Tartaruga para criar. Só para ganharem "quientão" por mês. Pois é, dimensionar o impacto social que um programa de amamentação desses causaria na sociedade paulinense é algo assustador. Quando se trata de valores sociais tudo pode acontecer. Sem contar que amamentação não é profissão e sim um ato de amor para com seu filho. Brincadeiras a parte o assunto é bastante sério e deve ser levado em consideração todas as vertentes possíveis. Eu pessoalmente não sou contra programas assistenciais. Mas usar o paternalismo, como mecanismo de arrebanhamento para conseguir interesses inconfessáveis, é covardia com o povo.

Servidor Público não é gado.
E vida de gado. Povo marcado, povo feliz. Estão tentando marcar o servidor público como gado. Só que já adianto que nessa boiada tem muito boi bravo e difícil de ser domado. Podem até tentar enganá-los e com artimanhas levar meia dúzia no bico. Mas já alerto que na hora certa o servidor vai dar o troco. Vamos abrir a porteira desse curral chamado "Prefeitura" e o estouro da boiada vai varrer de uma só vez todos que hoje tentam oprimi-los. Seria muito melhor usar a diplomacia e chamar a todos para um conversa, do que tentar conversar somente com um pequeno grupo de professores. A categoria de servidores é composta por uma vasta gama de profissões. Nada mais justo que todas estejam representadas nessas discussões a respeito da greve. Porque quando houve a greve esse mesma foi geral. Confio totalmente nos companheiros da educação, mas negociar e decidir por toda uma categoria que envolve mais de 4.000 trabalhadores é algo grandioso e de extrema responsabilidade.

CLIQUE NA IMAGEM PARA AMPLIAR

Paulínia Arena Music - O desfile.

O nosso prefeito não cansa de dar tiro no próprio pé. Acho que nem pé não tem mais. Estar se utilizando da máquina administrativa da cidade para inflar seu "ego" em detrimento de rodeios e cavalos pelas ruas de Paulínia é no mínimo egocêntrico demais. Gostar de rodeio não tem problema nenhum, desde que não seja usado mais de "DEZ MILHÕES" de reais do dinheiro público para realizar os sonhos de poucos. Todos devem-se perguntar. Mais esse Roger também não dá um tempo. Deixa o prefeito fazer o rodeio dele né. É diversão para o povo. Afinal quem não gosta de uma boa música sertaneja. - Mas acontece que enquanto isso na cidade do "Maior Rodeio Coberto" da região temos várias, mais muitas coisas descobertas. Quem aqui se utiliza dos aparelhos públicos como escola, postos de saúde, hospital, lar dos velhinhos, creches e outros vários sabe do que estou falando. Sem contar a falta de moradia, segurança, remédios e até papel higiênico. Enquanto ele cancela um dos maiores eventos patrióticos e cívicos de nosso país - O desfile de 7 de Setembro -  pelo motivo do local estar ocupado com uma estrutura de ferro e lona para fazer o circo dele. Acha tempo e disposição para fazer um desfile de cavalos em cima de um trio elétrico. Quer dizer que para nossas crianças que treinaram a fanfarra o ano todo só sobra desfilar nas ruas do bairro onde moram, ou então se apresentar para meia dúzia de pessoas no gabinete de prefeitura.

Humor e Parábolas
Hoje resolvi escrever com um pouco de humor e parábolas porque sinceramente esta ficando difícil viver em Paulínia com tudo que anda acontecendo. Quem sabe assim o povo começa a prestar mais atenção nos acontecimentos da cidade e colocar quem é quem nessa mini-série chamada as Crônicas de Paulínia.
Compartilhar Google Plus

Autor Roger Dance

Sou criativo, polêmico, autodidata por natureza e político por opção. Meus ideais de uma sociedade justa e igualitária estão no sangue. Sejam bem vindos a minha vida e ao mundo da informação dos bloggers.