Anúncio 680 x 110 px

SWU agora é MMA? Olha a Maconha! Estão querendo liberar?

“Tem polícia, maconha é uma delícia!”
Esse título acima é o grito de guerra dado pelos mais de 50 integrantes de um protesto feito na área do camping do "SWU". Isso é um Raio-X do que hoje acontece. Pessoas preferindo protestar pela liberação da maconha ao invés de protestar por melhores condições de vida. Um verdadeiro absurdo que esta sendo patrocinado pelo dinheiro público da cidade. Paulínia esta na mídia negativa por causa desse evento. Brigas generalizadas, jovens alcoolizados e todo tipo de confusão. Dando um enorme trabalho para a polícia.


Olhe só uma pequena parte da reportagem do Portal UOL:
Fonte: UOL Entretenimento - Um dos acampados, que não quis se identificar, reclamou que os seguranças estariam invadindo a privacidade das pessoas e que em um festival de música “é normal o consumo de drogas”. 

Segurança na Cidade? Só no Centro!
Ainda no campo da polícia. Neste domingo fiz um caminho entre o Marieta Dian e Santa Terezinha passando por vários bairros entre João Aranha, São José, Parque das Árvores, Planalto, Bela Vista entre outros e para minha surpresa não avistei nenhum policiamento ostensivo na região do João Aranha e adjacências. Ou seja "pra cá da ponte" como costumam dizer a população não existia policiamento. Já depois da ponte subindo a Avenida José Paulino avistei as 19:30hs próximo ao Banco Itaú duas viaturas da Guarda Municipal e a partir daí até o Hipermercado Extra foram 5 viaturas e 8 motos da polícia militar. Achei até que estava nos Jogos Pan Americanos do Rio de Janeiro. Polícia para todo lado no centro da cidade, mas a periferia desguarnecida. É minha gente sempre esquecem da periferia. Isso porque somos nós a base da pirâmide na sociedade. Somos muitos, mas não temos respeito e nem valor para essa atual administração de Paulínia.

SWU agora é MMA?
"Briga entre produções tem troca de socos em show do Ultraje a Rigor" - Esse é o título de uma reportagem dada pelo G1 - Portal de Notícias. Agora o SWU virou ringue de luta. As bandas se agredindo verbalmente e fisicamente, incitando a violência generalizada e a falta de respeito ao próximo. Teve de socos a palavrões e protestos vindos da platéia. Eita isso que é sustentabilidade? Sustentar brigas e violência. Os jovens foram lá para aprender como bater nas pessoas e falarem palavrões?


Acompanhe uma parte da notícia:
(Fonte: G1 - Portal de Notícias) O show do Ultraje a Rigor no SWU foi marcado por uma troca de socos em pleno palco, testemunhada pelo público e pelos integrantes da banda. A briga aconteceu logo após o fim da primeira música, aumentando a tensão em torno da apresentação do grupo, que antes já havia enfrentado problemas com o atraso: por causa da chuva e dos ventos fortes, passou de 16h05 para 17h40.

O Crime e a falta de Educação Ambiental.
Essas duas citações são mais algumas das faltas do SWU. Lixo espalhado pela área do evento é o que não falta. E nós paulinenses é que vamos pagar o preço. Para que todos saibam a "Corpus" é uma empresa contratada pela Prefeitura para manter nossa cidade limpa. E mais uma vez estamos pagando esse evento. Agora com a limpeza. Mas se não bastasse somente isso também esta havendo um grande número de roubos e furtos. É minha gente a pessoa vai lá achando que vai se divertir e é furtada. Além disso fica em um chiqueiro a céu aberto com tanto lixo espalhado.

Olha só o que diz no Portal da Veja:
(Fonte: Veja)Numa arena de 445 mil metros quadrados e 64 mil pessoas, pouco se vê de seguranças e muito se vê de lixo espalhado pelo chão. No primeiro dia do SWU, muitas ocorrências de furto de celulares, documentos e cartões de crédito foram registradas pela Polícia Militar. O público reclamou da falta de segurança da arena, que fica a cargo de homens contratados. A PM não faz o policiamento dentro do local, apenas na parte externa.

Contra Fatos não há Argumentos.
Agora quero ver a mídia marrom do "Fazendeiro" colocar no Facebook ou Twitter ou sei lá mais o que. Que está tudo uma maravilha em Paulínia. Isso que vocês leram acima é só um pequeno resumo. Vamos lá então: Drogas, Violência Física e Verbal, Furtos e Roubos, Sujeira, Falta de Policiamento nas Regiões Periféricas da Cidade, Protestos para Liberação da Maconha e mais sabe-se lá o que.
Então quero ver quem vai ter coragem de refutar essa realidade mórbida desse evento. Depois que chamo o SWU de Facção terrorista não é exagero.

Prefeito Burro? Não, mal administrador mesmo!
Ao invés de trabalhar para melhorar a vida do povo com mais saúde, educação, moradia, segurança e outras necessidades. Traz para Paulínia um festival problemático desses. Não podemos ser imediatistas e viver só de momentos. Tem gente que está se lascando todo com essa má administração. E esqueceu a essência das necessidades da sociedade paulinense. Agora se deixam encantar pelo "CIRCO" armado e nem lembram que falta o "PÃO". Atenção paulinenses, não se deixem enganar.  Tenham consciência que esse festival vai durar apenas três dias, mas as consequências do mal uso do dinheiro público vai refletir na sua vida durante muito tempo. Falam na mídia que vai haver um retorno financeiro. Bom para mim até agora não fez diferença positiva. Só estou me sentindo roubado isso sim. Quero mesmo é casa para morar e uma boa cidade para se viver.
.
.
.
Compartilhar Google Plus

Autor Roger Dance

Sou criativo, polêmico, autodidata por natureza e político por opção. Meus ideais de uma sociedade justa e igualitária estão no sangue. Sejam bem vindos a minha vida e ao mundo da informação dos bloggers.