Anúncio 680 x 110 px

Saúde de Paulínia? Puro Sofrimento!

O sofrimento do povo de Paulínia não tem fim. Essa semana navegando pelo facebook me deparei com muitas denúncias e desabafos de cidadãos de Paulínia reclamando da saúde do município. É realmente lamentável o que vem acontecendo nessa administração que deixou literalmente o povo a míngua. Uma cidade sem a estrutura adequada de saúde para cuidar de seu povo, traz um prejuízo enorme em termos sociais e financeiros. No social se perde porque a doença muitas vezes mata, quando não acama, e por consequência a tristeza e stress se instala na família e amigos do adoentado.
Mesmo em casos de acidentes mal atendidos deixa um sentimento de revolta, porque parece que não estão tratando com seres humanos.

E isso não se dá por causa dos profissionais de carreira que muitas das vezes ficam no hospital tentando, eu disse tentando, fazer o melhor que podem. Porque a estrutura e material são precários, tem um prédio novo, mas cadê os remédios, as gases e luvas de procedimento. São coisas simples que não estão sendo compradas pela administração, estão em falta.

Lucélia Rosil
Um protesto contra a Hospital Municipal de Paulínia: Enquanto as pessoas que estão doentes esperam por um atendimento. Os médicos e enfermeiros do plantão do dia 04/12/2011 do horário das 16:30hs que tem de ficar no PS. estavam assistindo ao jogo de futebol do Corinthians e Palmeiras. se você é morador de Paulínia também deveria protestar e fazer uma denúncia na Secretaria de Saúde pela ouvidoria através do número 156. Porque minha cunhada grávida de 4 meses teve uma hemorragia e o atendente disse que ela tinha que aguardar. Mas uma amiga nossa entrou no hospital e viu que o médico e sua equipe estavam ocupados, não com outro paciente, mas sim com uma televisão. Rindo e debochando da cara de todos lá fora. Estavam assistindo ao jogo. Isso está errado porque eles só tem este trabalho graças aos impostos que pagamos, então por favor quero que vocês moradores de Paulínia me ajudem com esta protesto para nossa saúde melhorar. Obrigada!

Viviane Silva
Indignação: O pai de uma amiga, em fase terminal precisou de uma ambulância para ir ao Hospital. E quando os enfermeiros chegaram avisaram a família que não tinha maqueiro para leva-lo até a ambulância. Tiveram que improvisar uma maca feita com lençol. E foi carregado desse forma, cheio de dor. Chega de sofrimento para todos!

Cibele Celestino
Eu fui levar uma amiga minha ao hospital, pois ela estava com contração. Entrei na emergência com ela, levei-a lá para o fundão, sendo que precisava de um enfermeiro para acompanhar, mas ninguém a acompanhou. Ai chegando lá o médico, com uma cara horrível, mandou ela subir na maca, mas ela não aguentava nem tirar a roupa. Ai fui ajudá-la a tirar a roupa. A hora que tirei a roupa dela, ela falou: Me ajuda que meu bebê vai nascer, mas sai correndo para pedir ajuda, não dando tempo. O bebê caiu no chão. Foi horrível, muito susto. Mas graças a Deus a bebê esta muito linda e se vocês perguntarem do médico até hoje não sei quem é.

Lazaro Antonio Vitaloni
Pelo amor de Deus. Façam alguma coisa no hospital. Não tem nada, nem vontade de fazer. Não tem remédios, não tem enfermeiros qualificados, não tem médicos. Só tem muita paciência da população que espera no mínimo uma 4 horas para ser atendido. Isso já passou dos limites. Tem de ser feito alguma coisa já!

Rodrigo Esmirelli
Obs: Quero aproveitar para deixar aqui minha indignação por mais uma negligência médica deste Hospital de Paulínia que está um relaxo. Cada dia pior. Estão brincando com as vidas, não dando o devido valor as pessoas que vão até lá precisando de ajuda. "Minha sobrinha foi neste Hospital e o médico que a examinou disse a minha cunhada poderia levá-la tranquila para casa, porque não tinha dado nada. Ao chegar em casa ela começou a urinar sangue, vomitar e ficar mal. Então resolvemos levá-la ao Centro médico que diagnosticaram um problema no rim. Graças a Deus tivemos condições de levá-la a um bom hospital, com médicos competentes que logo cuidaram dela e a internaram. Mas me pergunto: E quanto aquelas famílias que não tem condições de ir em um hospital decente, com médicos de verdade? O que acontece se um desses Médicos atenderem mal ( Como de costume. ) e mandar o paciente ir para casa com um problema sério e as pessoas virem a ter algo mais grave ou então fatal?

Como viram nos depoimentos acima essa é a dura realidade da saúde de Paulínia hoje. E de onde veio estes tem muitos mais. Todos os dias recebo mensagens de histórias de sofrimento e descaso com o ser humano. Mas quero salientar que um dos maiores problemas esta na má gestão feita pela secretária da saúde e o atual governo, na pessoa do prefeito, e da falta de recursos e materiais também. A prefeitura paga uma fortuna para uma empresa terceirizada fornecer os médicos plantonistas, ou seja, a saúde esta sendo terceirizada. Então a conclusão é cadê esses profissionais? E a qualidade do atendimento quem fiscaliza? O dinheiro pago por nós a essa empresa não esta surtindo efeito.

Esta na hora de darmos um basta nesse absurdo, nesse genocídio cometido por um ditador e sua horda de incompetentes. O que esta transcrito acima é o desabafo de populares. Agora quero ver se terão coragem de falar que estamos exagerando! Quando se trata de vidas humanas, nenhum exagero é ainda suficiente para denunciar a falta total do aparelho público na vida do cidadão. Que paga seus impostos e merece ser melhor tratado por um governo que foi colocado lá para trabalhar em prol da cidade.
Compartilhar Google Plus

Autor Roger Dance

Sou criativo, polêmico, autodidata por natureza e político por opção. Meus ideais de uma sociedade justa e igualitária estão no sangue. Sejam bem vindos a minha vida e ao mundo da informação dos bloggers.