Anúncio 680 x 110 px

SALÁRIOS: SE O POVO PAGA, POR QUE PAGA?

Excelente texto escrito por Aristéia Evaldo (Integrante do Fórum de Debates Movimento Paulínia)

É tudo uma questão de compreender o sentido das palavras!
A justiça foi feita. O Vice-Presidente do Órgão Especial do TJSP determinou, juntamente com outros desembargadores, que a administração faça o pagamento dos servidores grevistas.
Se a determinação será cumprida, não sabemos. O que sabemos é que o povo paga!
Paga, porque elegeu como seus representantes, pessoas incompetentes. Representantes que são incapazes de representá-los, sem com isso, pensarem em si mesmos, agindo como se fosse uma “coisa” pessoal e particular, sem lembrarem que dessa forma estarão prejudicando imensamente o povo.
Oras, tudo o que a prefeitura paga, na verdade é o povo, é a população quem paga. Então a polêmica deveria ser: Se o povo paga, por que paga?

RADICAIS
A questão aqui não é sobre o que os opositores do prefeito José Pavan Junior querem, mas sim, o que realmente é a verdade. Publicar uma ação do governo e usar um slogan – “Pavan entregará casas.” - Mesmo porque até agora nenhuma casa foi entregue e as que estão sendo construídas é uma iniciativa federal. Não é a controvérsia! O fato está em publicar somente o que lhe convém. Em deixar implícita uma idéia, uma ideologia, uma provável aceitação de um governo que tem claramente um alto índice de rejeição.
Já que o jornal que publica, coloca as ações que o governo realiza, poderia ser imparcial e publicar tanto as boas quanto as ruins, ou mesmo, as ações que ele deixa de realizar, sendo imparcial. Por que deixar de publicar o que o governo não faz?! - Há! Há! Há!
O pagamento do salário do servidor é um bom exemplo. O governo não faz o pagamento porque não quer. A justiça já determinou. A verdade de quem está errado já apareceu – a administração agiu arbitrariamente, agiu errado, agiu em função própria, não pensou nos interesses da população que ele representa. Agiu-se errado e quem paga é o povo!

PENSANDO BEM
Se a administração pensasse e agisse conforme a lei, teria resguardado os direitos da população e do trabalhador grevista. Não deixando chegar nessa situação insuportável. Teria evitado que coisas ruins acontecessem. Mas, ao invés disso preferiu ferir, perseguir e prejudicar, em função de interesses particulares, melindres e orgulho ferido.
É realmente essa a imagem de homem forte e poderoso que ele adquiriu? É tudo uma questão de compreender o sentido das palavras e fazer de uma notícia um fato político.
Um dos significados da palavra forte é VIOLENTO, ou se preferir tem também SEVERO, IMPETUOSO e DURO.
Poderoso realmente ele é, recebeu esse poder do POVO. Resta saber agora, como age em função desse poder que recebeu?
RIMAS
Poderoso- tortuoso-mimoso, duvidoso, perigoso, espaçoso, tenebroso.
PODEROSO = exercer poderio ou mando

O Poder em Perspectiva“O poder é a posse das faculdades ou dos meios necessários para fazer os outros homens contribuírem para as suas próprias vontades. O poder legítimo é aquele que determina aos outros a se prestarem aos nossos objetivos pela idéia da sua própria felicidade: esse poder não passa de uma violência quando, sem nenhuma vantagem para nós, ou mesmo para o nosso prejuízo, obriga a que nos submetamos à vontade dos outros”.
Paul Holbach, in “o Sistema Social”

COM ISSO
Ficamos refém das pessoas, dependendo da forma como se publica a noticia. Então, temos que concordar que a democracia esta realmente desmontada. Tudo conversinha de quem quer a todo custo que suas idéias prevaleçam. Seja ela virtual ou impressa.

AGORA! É O QUE O PAULINENSE ACHA.
“Meu objetivo é provocar polemica, abrir conversa, possibilitar às pessoas que formem suas próprias opiniões.”
Para tanto é necessário mostrar para o leitor os dois lados da moeda, mostrar todas as possibilidades de perspectivas. Não se deve manipular intencionalmente. Isso se denomina “ilusionismo mental”
Não basta viver num regime democrático para ser livres de verdade. A liberdade deve ser conquistada dia-a-dia opondo-se aqueles que ardilosamente tentam dominar-nos com recursos dessa forma de ilusionismo mental. Utilizando-se de recursos virtuais, impressos ou não!

ANOTANDO NA FICHA
“O Tribunal de Justiça – em seu Órgão Especial, representado pelo Vice Presidente V. Ex.ª Gonzaga Franceschini e publicado no Diário Oficial do Estado de São Paulo, divulgou a sua decisão sobre a medida cautelar inominada n° 0041516-83.2012.8.26.000 no dia 11 de maio de 2012 em que julga irregulares as medidas tomadas pela Municipalidade (administrador na voz do Povo) em relação á greve dos servidores municipais determinando que se faça o pagamento imediatamente.”

O que será que sobra, enquanto responsável pelo governo, para o atual prefeito José Pavan Junior? Qual será a multa que o POVO, estando representado por ele, terá que pagar pelo descumprimento da lei? Qual será a “dorzinha de cabeça” que tais medidas ilegais tomadas pelo atual prefeito poderão provocar? Veja só, que por birra desse governante, aonde viemos parar. Analisem com frieza e firmeza todos os fatos que levaram o servidor a lutar. Dentre elas, são as melhores condições de trabalho, para justamente o funcionalismo público poder atender melhor a população.
Compartilhar Google Plus

Autor Roger Dance

Sou criativo, polêmico, autodidata por natureza e político por opção. Meus ideais de uma sociedade justa e igualitária estão no sangue. Sejam bem vindos a minha vida e ao mundo da informação dos bloggers.