Anúncio 680 x 110 px

Câmara de Paulínia aprova Medalha Regina Moura


O projeto do prefeito Edson Moura Júnior, sobre a criação da Medalha Regina Moura, para homenagear pessoas da área do cinema e entretenimento com militância significativa em ações sociais, foi aprovado por 13 votos favoráveis e um voto contrário, em sessão na Câmara na terça-feira (28). A medalha será entregue nos festivais e eventos relacionados ao Polo Cinematográfico de Paulínia.


Sigam Movimento Paulínia no Twitter: @MPaulinia


Regina faleceu no dia 4 de novembro e teve a vida marcada por diversas ações sociais. Formada em jornalismo pela USP (Universidade de São Paulo), ela fez parte do movimento caras-pintadas, em 1992, que resultou na renúncia do ex-presidente Fernando Collor de Mello.

Como jornalista Regina integrou a equipe de Maurício de Sousa, criador da turma da Mônica, trabalhou na Assessoria de Imprensa da Secretaria de Saúde do Governo do Estado de São Paulo e também atuou como assessora em sindicatos de trabalhadores da saúde.

Em Paulínia, Regina marcou época por causa das ações sociais que realizou. Ela criou projetos nas áreas da defesa dos direitos da criança e adolescente, idosos, famílias carentes e de ajuda a  jovens em situação de grande vulnerabilidade social.

Quando faleceu Regina era secretária de Promoção e Desenvolvimento Social e chegou organizar eventos para pessoas com deficiência, idosos e promoveu a ampliação dos serviços de sua pasta. Ela era casada com o ex-prefeito Edson Moura e tinha dois filhos.

Moura Júnior disse que se trata de uma homenagem mais que merecida. “Temos que honrar quem fez muito pela nossa gente. A Regina continua viva no sorriso e nas esperanças das pessoas  que ela ajudou”, afirmou.


Honrado

O publicitário e filho mais velho de Regina, Rodrigo Eustachio, disse que ficou “honrado” com a homenagem à mãe.  “Eu me sinto totalmente honrado e muito contente em saber que a imagem dela está sendo lembrada no mundo da cultura como uma pessoa que fez muito pelo social de Paulínia. Se trata de uma honraria justa”, afirmou.

O relações públicas e diretor da secretaria de Promoção Social de Paulínia, Felipe Carriel, que trabalhou e conviveu com Regina por cerca de dez anos, relatou que a ex-primeira-dama foi uma mulher “muito preocupada com o ser humano e inspiradora”.

“Ela foi a minha professora e mestre. A Regina se preocupava de verdade com o próximo e sempre exigia o melhor para a população. A nossa meta é fazer tudo no padrão que ela nos ensinou. O respeito que a Rê tinha pelas pessoas contagiava”, disse.

Opinião do Roger:

Publicar essa matéria para mim é motivo de Honra e Saudades de uma grande amiga que realmente é isso que esta escrito. Ela representava tudo de bom e inteligente para os ser humano. Uma pessoa fantástica e sempre pronta a estender a mão para quem precisava de ajuda. Foi uma honra poder lutar ao seu lado no PDT e resgatar nossa cidade para fazer uma ótima administração.

Saudades eternas amiga e essa homenagem em forma de uma Medalha é muita bem vinda a uma pessoa que fez grandes coisas pela cidade de Paulínia.




Compartilhar Google Plus

Autor Roger Dance

Sou criativo, polêmico, autodidata por natureza e político por opção. Meus ideais de uma sociedade justa e igualitária estão no sangue. Sejam bem vindos a minha vida e ao mundo da informação dos bloggers.