Anúncio 680 x 110 px

#SAÚDE - Atendimento as Mulheres em situação de riscos !!!


Saúde intensifica atendimento às mulheres em situação de risco

A Secretaria de Saúde de Paulínia intensificou o atendimento às mulheres em situação de vulnerabilidade social entre julho de 2013 a janeiro deste ano. O objetivo é reduzir os danos à saúde e evitar casos de gravidez indesejada. Aproximadamente 60 mulheres receberam atendimento especifico no período. O nome do projeto é “Programa de Atenção às Mulheres de Risco”.

O público alvo do serviço são mulheres moradoras de rua, consumidoras de substâncias psicoativas, parceiras de homens dependentes químicos, adolescentes grávidas e doentes mentais sem assistência familiar. De acordo com o coordenador do programa de Saúde da Mulher de Paulínia, o médico ginecologista André Pampanini Melo, entre as nove UBSs (Unidade Básica de Saúde) da cidade, cada uma tem pelo menos quatro profissionais envolvidos na iniciativa.

Sigam Movimento Paulínia no Twitter: @MPaulinia

Melo relatou que as mulheres que buscam de atendimento médico nas UBSs tem as condições sociais avaliadas e é diagnosticado quem precisa de um atendimento mais especifico. Em alguns casos, a equipe se desloca até a paciente para garantir a realização do tratamento.

As mulheres atendidas recebem atendimento com médico ginecologista, clínico e assistente social. Elas realizam exames para identificar possíveis doenças sexualmente transmissíveis e exames de mama e de colo de útero.

“Em cada UBS as equipes estão prontas para prestar o atendimento necessário para as mulheres que precisam de um atendimento mais personalizado. Queremos minimizar os problemas já enfrentados por essas mulheres”, disse Melo.

As equipes são formadas por médico ginecologista, clínico geral, enfermeiro e assistente social. Mulheres que tiverem interesse no serviço devem procurar a UBS mais próxima de casa.

Humanizado 

O prefeito de Paulínia, Edson Moura Júnior, relatou que o objetivo é oferecer um atendimento médico “humanizado” e propiciar possibilidades de recuperação e tratamento às mulheres em situação de risco. “Queremos humanizar o atendimento de quem já vive uma situação complicada. Temos mais esse serviço permanente em nossas unidades de saúde”, explicou.

Segundo o secretário de Saúde Renato Cardoso, Paulínia tem atuado em diversas frentes com serviços específicos, inclusive para adolescentes e homens, para prevenir e avançar na quantidade e qualidade dos serviços disponíveis à população. “A secretaria ampliou a lista de possibilidades de tratamentos. O objetivo é sempre melhorar”, disse.


Compartilhar Google Plus

Autor Roger Dance

Sou criativo, polêmico, autodidata por natureza e político por opção. Meus ideais de uma sociedade justa e igualitária estão no sangue. Sejam bem vindos a minha vida e ao mundo da informação dos bloggers.