Anúncio 680 x 110 px

Moura Júnior inaugura Novo Hospital de Paulínia


O prefeito Edson Moura Júnior inaugurou o Novo Hospital de Paulínia na tarde de quarta-feira (19). A unidade foi construída em dez meses, tempo considerado recorde. O investimento foi de R$ 50 milhões. Com o hospital, Moura Júnior deseja melhorar a qualidade do atendimento prestado à população. Trata-se da maior obra pública inaugurada na atual gestão.

A unidade conta com 96 leitos, sendo 20 leitos de clínica cirúrgica, 28 de clínica médica, 21 de ginecologia e 27 de pediatria. O hospital antigo tem 67 leitos. O aumento de número de vagas foi de 29 leitos, ou um aumento de capacidade de internação de 43%. Além de aumentar o número de leitos, a privacidade e conforto dos pacientes também aumentaram. No hospital antigo cada quarto comportava quatro pacientes. Agora, cada quarto tem duas vagas.

Sigam Movimento Paulínia no Twitter: @MPaulinia

O prédio conta com centro de estudos e biblioteca, salas de isolamento, recepção, área administrativa, sala de educação permanente, casa de máquinas, sala de dados, arquivo ativo, sala de estar, hemodiálise, brinquedoteca, dois elevadores, sistema de lógica, sistema de incêndio (composto por dampers, corta fogo, detecção de fumaça pressurização da escada), ar condicionado, sistema de CFTV, monitoramento por câmeras, controle de acesso e isolamento. Todos os quartos possuem banheiro, com entrada de maca. No total, são 4.692 metros de área construída.

As instalações do hospital antigo serão transferidas para o Novo Hospital de Paulínia de forma gradativa. Em um mês, as mudanças devem começar. O objetivo é evitar transtornos para os pacientes e funcionários.

Prefeito
Moura Júnior em seu discurso na inauguração destacou que a saúde é prioridade em seu governo. “Em um ano e quatro meses estou entregando um hospital com estrutura de país de primeiro mundo. A população de Paulínia merece o melhor. É uma honra participar de um momento importante como esse para o nosso município”, afirmou.

Moura Júnior ainda explicou que o antigo hospital deverá ser demolido para outra unidade ser construída, com mais 7.910 metros quadrados. O espaço terá capacidade para mais 98 leitos. “A população está vendo o nosso comprometimento com a saúde. Estamos avançando muito”, disse.

Para o vice-prefeito Francisco de Almeida Bonavita Barros, o governo tem cumprido as suas obrigações. “Não é novidade que herdamos diversos problemas, inclusive na área da saúde. No entanto, somos homens públicos sérios e honramos os nossos compromissos”, disse.

Secretário

O secretário de Obras de Paulínia, Eduardo Ferreira, destacou que o prédio foi construído em dez meses. “O prefeito teve coragem e vontade, por isso conseguimos fazer uma construção dessa magnitude em dez meses”, explicou.

Em seus discursos, o presidente da Câmara de Paulínia, Marquinhos Fiorela, e o vereador e líder de governo, Sandro Caprino, também destacaram a relevância social do Novo Hospital.


Escolas

Moura Júnior também inaugurou na manhã desta quarta-feira (19) duas Emefs (Escola Municipal de Ensino Fundamental), nos bairros São José e Vida Nova. As duas unidades juntas atenderão mais de 600 alunos.


A escola do Vida Nova recebeu o nome de Maria Regina Ferreira de Mattos e Moura, em homenagem à ex-primeira-dama e ex-Secretária de Promoção e Desenvolvimento Social de Paulínia, que faleceu em 04 de novembro de 2013. Regina ficou conhecida pelos relevantes trabalhos voltados para a área social.

Bastante emocionado, o filho de Regina, o empresário Rodrigo Eustachio, falou sobre a principal lição deixada por sua mãe. “Se queremos um mundo melhor, devemos pensar sempre no próximo, principalmente nos que vivem em situação de adversidade”, comentou.

A nova escola vai começar a funcionar em fevereiro de 2015 e atenderá cerca de 120 alunos do primeiro ano do Ensino Fundamental. De acordo com a secretária de Educação, Rita Lanza, ela irá funcionar em período integral. “Iremos iniciar um projeto piloto de educação integral na escola Regina Moura. Acreditamos no sucesso dessa implantação e esperamos poder levar essa nova proposta a outras escolas do município”, disse.

A Emef do São José já está funcionando e atende mais de 500 alunos.
Para o prefeito, as inaugurações fazem parte do plano de ação da administração em oferecer mais educação para a população. “Para construir uma cidade melhor, devemos cuidar primeiro das nossas crianças”, concluiu.



Compartilhar Google Plus

Autor Roger Dance

Sou criativo, polêmico, autodidata por natureza e político por opção. Meus ideais de uma sociedade justa e igualitária estão no sangue. Sejam bem vindos a minha vida e ao mundo da informação dos bloggers.