Anúncio 680 x 110 px

CETESB multa 1.061 veículos em MEGACOMANDO


CETESB multa 1.061 veículos em megacomando contra fumaça pretanas principais estradas do estado
 
Em uma grande operação de fiscalização de veículos a diesel comandada simultaneamente em 22 pontos nas principais estradas e avenidas com fluxo de trânsito intenso, em todo o estado, a Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb), órgão da Secretaria de Estado do Meio Ambiente, multou 1.061 caminhões e ônibus, além de vans e picapes, que estavam emitindo fumaça preta acima dos padrões estabelecidos pela legislação ambiental.

Na operação realizada hoje, 13/8, 41.086 veículos passaram pelos postos de fiscalização. Desse total, 1.061 foram penalizados com multas no valor de 60 Unidades Fiscais do Estado de São Paulo – Ufesp, correspondendo a R$ 1.275,00. O megacomando, aplicado entre 9h e 14h, é feito duas vezes por ano, neste período em que as condições meteorológicas são desfavoráveis à dispersão dos poluentes, prejudicando a qualidade do ar.
Sigam Portal MP no Twitter: @MPaulinia
O comando instalado no km 13,5 do Rodoanel – Trecho Oeste aplicou 147 multas; no km 57 da Rodovia dos Bandeirantes, 125; e no km 53 da Rodovia Anhanguera, 106. Nos outros 19 pontos de fiscalização o número de carros multados foi inferior a 100. A aplicação das multas foi feita com base na Escala de Ringelmann, comparando a intensidade da fumaça preta com os tons colorimétricos impressos nesse instrumento.

Em 2014, a Cetesb lavrou um total de 20.416 multas por emissão de fumaça preta acima dos padrões legais. Em 2015, até o final de março, foram lavradas 4.763 multas.

Conscientização

Grande parte dos poluentes presentes no ar da Região Metropolitana de São Paulo é proveniente dos sete milhões de veículos (dados de frota de 2013) que trafegam por aqui. De acordo com o relatório de Emissões Veiculares, da Cetesb, de 2013, caminhões, ônibus, vans e picapes, a diesel, respondem por 29% das 4.460 toneladas de material particulado lançadas anualmente na atmosfera na RMSP. Os poluentes emitidos agridem à saúde de toda a população, em especial, as crianças, os idosos e os indivíduos com problemas respiratórios ou baixa resistência imunológica.

O objetivo das campanhas desenvolvidas pela Cetesb é incentivar a manutenção corretiva dos motores a diesel. Por isso, o valor da primeira multa pode ser reduzido em 70%, desde que se comprove sua reparação e a medição da opacidade em uma oficina pertencente ao Programa de Melhoria da Manutenção de Veículos a Diesel – PMMVD, desenvolvido pela Cetesb desde 1998.

Nos últimos anos, o percentual de veículos a diesel emitindo fumaça preta em excesso no estado de São Paulo caiu em mais de 30%, e atualmente verifica-se uma desconformidade de até 7% na Região Metropolitana de São Paulo. Entende-se que isso se deve às ações da Cetesb, de fiscalização e de atividades preventivas e educativas em oficinas de manutenção, montadoras e empresas de transportes, bem como pelo desenvolvimento de programas de gestão ambiental de frotas.

Além dos benefícios para a população em geral, os proprietários de veículos a diesel que procuram manter seus automóveis regulados e seguem as recomendações da campanha, evitam ser multados pela Cetesb, economizam combustível e aumentam a vida útil do equipamento.

Os cidadãos também são convidados a participar dos esforços para a melhoria da qualidade do ar, denunciando os veículos que emitem fumaça em excesso pelo 0800-113560 e também pelo site www.cetesb.sp.gov.br.

No site da CETESB (http://www.cetesb.sp.gov.br/ar/emissao-veicular/45-oeracao-inverno), há um link com a chamada para a Operação Inverno 2015, contendo respostas para perguntas frequentes, folhetos e faixas que estão sendo utilizadas nos comandos.



Compartilhar Google Plus

Autor Roger Dance

Sou criativo, polêmico, autodidata por natureza e político por opção. Meus ideais de uma sociedade justa e igualitária estão no sangue. Sejam bem vindos a minha vida e ao mundo da informação dos bloggers.