Anúncio 680 x 110 px

Sonda foca em Cidades Inteligentes para melhorar o acesso aos serviços públicos


Portfolio da integradora permite levar uma oferta de ponta a ponta para o atendimento às demandas de projetos de Cidades Inteligentes

            O crescimento das cidades, a partir de acentuados movimentos migratórios, mudanças climáticas, busca pela sustentabilidade, envelhecimento da população, necessidades de ajustes financeiros e aperfeiçoamento na gestão pública é uma pequena lista de demandas que tem motivado as empresas de tecnologia a oferecerem soluções para atendê-las e permitir a ampliação do acesso aos serviços públicos prestados, bem como a melhoria da qualidade de vida nas cidades.

            De olho nessas mudanças, que envolvem moradores das cidades, órgãos públicos e prestadores de serviço, a Sonda, maior integradora latino-americana de soluções de Tecnologia da Informação (TI), traz para o mercado sua proposta para atender ao conceito de Cidades Inteligentes, que se apresenta como uma oferta integrada entre todas as suas áreas de atuação, unindo diferentes modalidades de soluções e serviços de TI.

            Segundo Antonio de Arimateia, gerente de desenvolvimento de negócios da Sonda Utilities, divisão que lidera o tema Cidades Inteligentes (Smart Cities) dentro da Sonda, a companhia se difere em sua proposta por ser uma integradora detentora de um portfólio completo e o mais aderente a projetos desta natureza.

“A aplicação da tecnologia para atender a iniciativas de Cidades Inteligentes envolve infraestrutura de TI e aplicativos, passando por serviços de consultoria para definição de processos de negócios, integração de sistemas, comunicação e gestão eficientes, resultando numa oferta abrangente e altamente especializada”, explica o executivo, que foi contratado para alavancar esta estratégia da Sonda no Brasil.

A aposta neste mercado se tornou corporativa e se baseia nos casos de sucesso da companhia tanto no Brasil quanto fora dele. Para dar sustentação à oferta, a Sonda reúne desde as soluções de gestão específicas para o setor de Utilities, que integra o leque de produtos próprios da Sonda, passando pelas iniciativas promovidas pelos parceiros, como SAP e Cisco, que apresentam software e equipamentos, respectivamente, para este movimento de Cidades Inteligentes, unindo tudo isso com os serviços prestados pela integradora.
Sigam Movimento Paulínia no Twitter: @MPaulinia

Os casos de sucesso da companhia são referências que irão alavancar sua estratégia. Entre os projetos estão o de Redes Inteligentes (Smart Grid) de energia no Brasil, desenvolvido para a Elektro, o de Mobilidade Urbana desenvolvido no Chile, denominado Transantiago, assim como o de Segurança Pública no Uruguai.

“Queremos desenvolver no País uma proposta de gestão eficiente e de atendimento às demandas da sociedade, que pode envolver desde os serviços públicos, como saúde, segurança e educação, assim como projetos público-privados, que englobam transporte, energia, saneamento e gás, chegando até mesmo a uma oferta de solução para serviços macro estruturantes, tais como planejamento, finanças,obras e desenvolvimento econômico, por exemplo”, detalha Arimateia.

No Brasil, a referência dentro do conceito de Cidades Inteligentes é o projeto de Smart Grid implementado em São Luiz do Paraitinga, no interior do Estado de São Paulo, pela Elektro. Ao todo, 5,5 mil habitantes passaram a contar com medidores digitais em suas residências e os sistemas da Sonda foram desenvolvidos para transmitir os dados referentes ao processamento das informações de consumo e faturamento, além de realizar a gestão de serviços de campo, a partir da utilização de tecnologias móveis. Esta mudança traz um modelo mais próximo de relacionamento entre a Elektro e seus consumidores.

No caso da Transantiago, no Chile, a Sonda opera um dos maiores projetos globais de mobilidade urbana, proporcionando a integração dos meios de pagamentos e a gestão de frotas entre os diferentes transportes de Santiago. A cobertura contempla 6,4 mil ônibus, 30 milhões de cartões e 6,5 milhões de transações por dia. Além da integração de tarifas e o pagamento automatizado, faz parte do projeto a reestruturação da rede viária e o estudo do impacto ambiental. O mesmo projeto foi adotado pelo sistema de transportes do Panamá.

Na área de Segurança Pública, a Sonda desenvolveu em Montevideu, no Uruguai, o programa Cidade Segura. O sistema reduziu a criminalidade em 60% na área denominada “Cidade Velha”, uma das zonas turísticas da capital, e em 49% de toda a cidade. O projeto inclui a instalação de câmeras de vídeo de alta resolução e de softwares inteligentes que identificam comportamentos atípicos das pessoas para ativar um sistema de alarme ligado à polícia.

            “Na prática, a iniciativa da Sonda para alavancar o conceito de Cidades Inteligentes no Brasil é utilizar suas referências locais e regionais para propor projetos que já contam com resultados práticos para a população, proporcionando um retorno mais rápido e seguro do investimento realizado, visto que a Sonda já detém expertise suficiente e soluções aptas para este movimento”, finaliza Rivaldo Ferreira, diretor executivo da Sonda Utilities.

Sobre a Sonda Utilities (www.sondautilities.com.br)

A Sonda Utilities é uma Divisão do Grupo Sonda voltada aos segmentos de energia elétrica, saneamento e gás. Focada no desenvolvimento e implementação de soluções que beneficiam milhões de pessoas em todas as regiões do País, seus produtos e serviços carregam uma grande expertise em processos de negócios de companhias de energia elétrica, setor no qual detém a liderança absoluta no fornecimento de soluções de gestão comercial, detendo um market-share de 25%.                  

Atuante no mercado desde 1990 e reconhecida por ser a única fornecedora a levar ao mercado multiutilities uma oferta completa, o objetivo da Sonda Utilities é dinamizar o atendimento com propostas que envolvem os sistemas de gestão comercial, técnica e de mobilidade, trazidos do legado de utilities, junto às frentes de plataformas, serviços de TI e aplicativos fiscais e de gestão, que fazem parte do portfólio da Sonda IT.

Sobre a Sonda América Latina (www.sonda.com) e a Sonda IT (www.sondait.com.br)

A Sonda é a maior integradora latino-americana de serviços e soluções de Tecnologia da Informação (TI). Fundada em 1974, a companhia tem presença direta em dez países da região, tais como Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica, Equador, México, Panamá, Peru e Uruguai. Atualmente a empresa opera com 22 mil colaboradores e seu faturamento em 2014 alcançou a marca de US$ 1.447 bilhão. Suas principais áreas de negócios são os serviços de TI em diferentes modalidades, aplicações e infraestrutura. Sua cobertura de negócios compreende uma ampla diversidade de indústrias. No Brasil, a Sonda IT atua desde 1989 e está presente nos principais Estados do País.



Compartilhar Google Plus

Autor Roger Dance

Sou criativo, polêmico, autodidata por natureza e político por opção. Meus ideais de uma sociedade justa e igualitária estão no sangue. Sejam bem vindos a minha vida e ao mundo da informação dos bloggers.