Anúncio 680 x 110 px

Apagão educacional e cultural assombra o país


A Lei Federal 12.444/10, sancionada em 2010, que torna obrigatória a instalação de bibliotecas com pelo menos um livro por aluno em todas as instituições de ensino públicas e privadas do país até 2020, não será cumprida.

No Brasil apenas 35% das escolas contam bibliotecas com bibliotecários. Para atender à demanda por esses profissionais, será necessário quadruplicar a oferta de trabalho – para ter uma ideia, hoje há 34 mil bibliotecários no país e 192 mil escolas da educação básica. Uma boa notícia para um mercado que cresce também por causa do surgimento de novas tecnologias, como as bibliotecas digitais. A má notícia é que pouco tem-se feito para cumprir a Lei, pois no Estado de São Paulo, onde se encontra o maior sistema de educação pública do país, a biblioteca escolar, como previsto na legislação, é difícil de ser encontrada nas unidades de ensino.
Sigam Portal MP no Twitter: @MPaulinia
O slogan Brasil: pátria educadora parece cada vez mais uma distante da realidade. A educação sempre foi uma determinante para construção de uma nação, para seu desenvolvimento social e econômico. “Não existe uma cidade norte-americana cujo equipamento público de referência não seja a biblioteca, isso sem contar as bibliotecas que são mantidas dentros das instituições de ensino de todos os níveis”, explica a Profa. Dra. Valéria Valls, Coordenadora do curso de Biblioteconomia e Ciência da Informação da FESPSP (Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo).

Visite nosso portal: www.fespsp.org.br
SOBRE A FESPSP

FESPSP: 82 anos de Reconhecimento

A Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo (FESPSP) foi criada em 27 de abril de 1933, por iniciativa de pouco mais de uma centena de figuras eminentes da sociedade paulistana.

Orientada desde o início para o estudo da realidade brasileira e para a formação de quadros técnicos e dirigentes capazes de atuar no processo de modernização da sociedade, a FESPSP mantém o cursos de Sociologia e Política, de Biblioteconomia e Ciência da Informação, de Administração e cursos de Pós-Graduação em áreas de Ciências Sociais e afins.

O seu corpo de pesquisadores e docentes se dedica ao ensino e à pesquisa acadêmica e aplicada, reunindo à atividade de produção do conhecimento a capacidade de intervenção, gestão e planejamento, que tem sido a marca de atuação da instituição nos projetos desenvolvidos para os setores público e privado ao longo dos anos.



Compartilhar Google Plus

Autor Roger Dance

Sou criativo, polêmico, autodidata por natureza e político por opção. Meus ideais de uma sociedade justa e igualitária estão no sangue. Sejam bem vindos a minha vida e ao mundo da informação dos bloggers.