Anúncio 680 x 110 px

Colisão entre carro e ônibus mata duas jovens em Sumaré


Suspeito de embriaguez, condutor do carro foi autuado em flagrante e está internado em estado grave
A colisão entre uma caminhonete e um ônibus na madrugada deste sábado (18), no Jardim Bom Retiro, em Sumaré, resultou na morte de duas jovens de 22 anos, a lojista Suzilene Caline de Souza Faria e a agente de negócios Mayra Mantovani de Carvalho, ambas moradoras no município.

Portal MP nas Redes - Facebook | Twitter |Youtube


Segundo a Polícia Civil, o condutor da caminhonete em que elas estavam, I.R.A.G., 25 anos, morador no mesmo bairro, foi autuado em flagrante por homicídio culposo (sem intenção de matar) na direção de veículo automotor e será investigado por suspeita de dirigir embriagado. Até o início desta tarde, ele estava hospitalizado em estado grave, sob escolta policial.

Suzilene Caline de Souza Faria e Mayra Mantovani de Carvalho tinham 22 anos e moravam em Sumaré

O acidente aconteceu por volta de 4h na altura do número 2.386 da Avenida Engenheiro Jayme Pinheiro de Ulhoa Cintra. As três vítimas ficaram presas nas ferragens. As duas garotas morreram no local do acidente. O rapaz foi socorrido até o Hospital Estadual Doutor Leandro Franceschini, onde passou por cirurgia. Segundo informações policiais, seu estado de saúde era grave.

O caso mobilizou viaturas da Polícia Militar, Guarda Civil e Corpo de Bombeiros de Sumaré. Segundo relato à PM de V.F.G., 46, motorista do ônibus que pertence a uma agência de turismo, ele trafegava pela avenida quando foi surpreendido pela caminhonete Fiat Strada em alta velocidade no sentido oposto. O motorista contou que o jovem freou bruscamente, perdeu o controle do veículo, atravessou o canteiro central e bateu de frente com o ônibus e ressaltou que não houve tempo hábil para desviar e evitar o acidente. Após a colisão contra o ônibus, o carro ainda bateu contra um alambrado.

De acordo com os PMs que atenderam a ocorrência, o condutor apresentava sinais de embriaguez e no local do acidente foram apreendidas uma lata e uma garrafa de cerveja, que estariam na caminhonete.A reportagem não conseguiu contato com familiares das vítimas e do indiciado na tarde de ontem. No Facebook, vários amigos das duas garotas prestaram homenagens postando fotos delas e lamentando as mortes. “Queria que tudo isso fosse mentira”, desabafou um deles.



Compartilhar Google Plus

Autor Roger Dance

Sou criativo, polêmico, autodidata por natureza e político por opção. Meus ideais de uma sociedade justa e igualitária estão no sangue. Sejam bem vindos a minha vida e ao mundo da informação dos bloggers.