Anúncio 680 x 110 px

Fechar aplicativos não economiza bateria do celular - e pode até piorar a performance do aparelho


Diretores da Apple e do Google se pronunciaram sobre essa mania de fechar aplicativos

Sabe quando seu celular está todo travado, e você decide fechar os aplicativos que não está usando para deixar ele um pouco mais rápido, ou até mesmo para economizar um pouco da bateria? Pois é, má notícia: você só está deixando as coisas mais difíceis.

Portal MP nas Redes - Facebook | Twitter |Youtube



De acordo com o site 9to5mac um usuário de iPhone resolveu deixar de dar espaço para lendas urbanas e resolveu perguntar diretamente para o CEO da Apple, Tim Cook, se fechar os aplicativos dele realmente poupava alguma bateria. O homem, chamado Caleb, mandou um e-mail para o atendimento da Apple dizendo:

"Oi, Tim,
Você costuma fechar seus apps da aba multitarefa, e isso altera a duração da bateria? Só quero que você termine com toda essa controvérsia".

Acontece que Cook não respondeu, mas Craig Federighi - o responsável pelo iOS da Apple - mandou um e-mail sanando a questão:

"Oi, Caleb,

Eu sei que você perguntou para o Tim, mas pelo menos eu posso te oferecer meus conhecimentos.

Não e não.

:-)"

Ou seja, a bateria do seu iPhone não vai durar nem um segundinho a mais só pelo fato de você ter fechado o Tinder no trabalho.

E os 1,4 bilhões de usuários de Android? Bom para eles a situação pode ser ainda pior. "Acontece a mesma coisa. O sistema melhora conforme gerencia o que está sendo utilizado. Mexer com isso só sobrecarrega o aparelho e deixa-lo mais lento", afirmou Hiroshi Lockheimer, diretor do Android, ao site Quartz. "De maneira geral, é melhor deixar o sistema trabalhar. Ele foi feito para gerenciar os apps, então você não precisa interferir", completou.

A conclusão é: usuário de iPhone ou Android, nem pense em tocar na aba que gerencia aplicativos. Seu celular vai se virar sozinho, e você só vai atrapalhar.

Fonte : Super Interessante



Compartilhar Google Plus

Autor Roger Dance

Sou criativo, polêmico, autodidata por natureza e político por opção. Meus ideais de uma sociedade justa e igualitária estão no sangue. Sejam bem vindos a minha vida e ao mundo da informação dos bloggers.