Anúncio 680 x 110 px

Situação de Paulínia no Fundocamp está regularizada após sete anos


A Prefeitura Municipal de Paulínia está definitivamente regularizada com o Fundocamp (Fundo de Desenvolvimento Metropolitano) e já pode passar a usufruir dos recursos destinados para projetos que são liberados para as cidades da Região Metropolitana de Campinas (RMC) que fazem parte da Agemcamp.

A regularização só foi possível após a intervenção do prefeito Dixon Carvalho na primeira reunião da história do órgão realizada em Paulínia, no mês de maio. “Não podemos ficar fora de uma agência como essa e não ter, pelo menos, a possibilidade de obter recursos para projetos principalmente na área de mobilidade urbana. Assumimos todos os débitos que vinham desde 2009 e aproveito para agradecer a compreensão e o apoio de toda a direção da Agemcamp. Há sete anos que perdemos repasse de recursos”, explica o prefeito Dixon.

Todos os detalhes do acordo entre a Prefeitura e a Agemcamp foram sacramentados em reunião realizada em Morungaba, na terça-feira, 15/08. O secretário de Governo, Beto Cavallaro, representou o prefeito Dixon e trouxe a minuta do contrato.          “Conseguimos parcelar nossa dívida em 90 meses e nossas parcelas serão corrigidas pelo pela UFESP. A primeira irá vencer em setembro e dependendo dos repasses que o Fundocamp fará ainda este ano, praticamente ainda teremos lucro”, espera Cavallaro.

Somente nesses sete meses, o Fundocamp já repassou R$ 2.642.739,24 e todos os municípios foram contemplados. O maior valor foi para Campinas. No ano passado, foram liberados verbas específicas para projetos que contemplaram obras de Mobilidade Urbana e aquisição de veículos para a Defesa Civil da Região. Nova Odessa, Morungaba, Monte Mor e Holambra receberam para obras de Mobilidade Urbana. Para a aquisição do veículo destinado à Defesa Civil, os beneficiados foram Morungaba, Monte Mor, Holambra, Itatiba e Engenheiro Coelho. “Inexplicável uma cidade como Paulínia chegar a uma situação como essa e perder verbas significativas”, critica Cavallaro.


Compartilhar Google Plus

Autor Roger Dance

Sou criativo, polêmico, autodidata por natureza e político por opção. Meus ideais de uma sociedade justa e igualitária estão no sangue. Sejam bem vindos a minha vida e ao mundo da informação dos bloggers.