Anúncio 680 x 110 px

Prefeitura de Paulínia inicia processo para construção da ponte da Rhodia


Requisição que autoriza abertura de processo licitatório para execução da obra foi assinada pelo prefeito Dixon Carvalho nesta terça-feira

Após cerca de quatro anos interditada, a ponte que atravessa o Rio Anhumas ligando os municípios de Paulínia e Campinas, popularmente conhecida como Ponte da Rhodia,  finalmente será reconstruída. A requisição de compra que autoriza a abertura do processo licitatório para execução da obra foi assinada pelo prefeito de Paulínia, Dixon Carvalho, na tarde desta terça-feira, dia 19 de dezembro.

A solenidade para assinatura da requisição foi realizada na própria ponte e contou com a presença de autoridades, empresários e representantes da Unicamp, FIESP, SEST/Senat, entre outras instituições ligadas a área empresarial.

Para o prefeito Dixon Carvalho, trata-se de uma grande conquista. “Esse foi um dos compromissos que assumi com a população de Paulínia e é muito satisfatório ver a concretização deste importante projeto. Gostaríamos de ter iniciado este processo antes, mas dependíamos da licença ambiental. Hoje, uma semana após a emissão da licença, estamos aqui para dar início ao processo de construção da nova ponte” declarou o prefeito.

De acordo com o projeto, orçado em aproximadamente R$ 7 milhões, primeiramente será construída uma ponte paralela a já existente. Em seguida, a ponte que hoje se encontra interditada por problemas na estrutura será demolida e reconstruída. De acordo com a Secretaria de Obras e Serviços Públicos, a estimativa de prazo para execução da obra após a conclusão do processo licitatório é de oito meses.

O secretário de Obras e Serviços Públicos de Paulínia, Valdir Terrazan, lembrou que a interdição foi feita no ano de 2014, após um laudo técnico apontar a existência de graves problemas estruturais no local. “Na época, eu era prefeito do Distrito de Barão Geraldo e a interdição desta ponte causou grandes prejuízos para a região. Era um local com VDM (Volume Diário Médio) de aproximadamente 4 mil automóveis. Hoje, é uma grande honra participar desta cerimônia, onde iniciamos o processo para finalmente devolver esta ponte para a população”, comemorou Terrazan.
Já o secretário de Obras de Campinas, Ernesto Dimas Paulella, que compareceu ao evento para representar o prefeito de Campinas, Jonas Donizete, ressaltou a importância desta obra. “Quero primeiramente parabenizar o prefeito Dixon Carvalho pelo empenho em solucionar definitivamente este problema e dizer que a cidade de Campinas tem pleno interesse em ver este acesso tão importante ser reconstruído. Campinas, portanto, estará junto com o senhor nesta empreitada”, afirmou.

Para viabilizar a obra as prefeituras de Paulínia e Campinas firmaram convênio por meio de um Termo de Cooperação Técnica que especifica quais as incumbências de cada uma das cidades.  O termo também foi assinado na solenidade realizada nesta terça-feira.


Compartilhar Google Plus

Autor Roger Dance

Sou criativo, polêmico, autodidata por natureza e político por opção. Meus ideais de uma sociedade justa e igualitária estão no sangue. Sejam bem vindos a minha vida e ao mundo da informação dos bloggers.