Anúncio 680 x 110 px

PSL de Paulínia sofre racha é esvaziado e perde terreno para PSC de Coronel Furtado


PSL de Paulínia sofre racha é esvaziado e Cambuí desidrata na véspera da eleição suplementar, eleitorado vai para Coronel Furtado do PSC

A corrida pela cadeira da prefeitura de Paulínia tem trazido alguns momentos chaves nos últimos tempos.

O PSL de Paulínia foi totalmente contaminado por articulações obscuras e sofreu um racha essa semana, a poucos dias das convenções partidárias para escolha dos candidatos à prefeito na eleição suplementar de 2019 que vai acontecer no dia 01 de setembro desse mesmo ano.

A atualmente ex-presidente do partido PSL de Paulínia Lucia Abadia soltou uma nota oficial na página do Jornal Notícias Regional declarando sua insatisfação e deixando claro que Capitão Cambuí não tem sua preferência para ser candidato a prefeito na eleição suplementar que se desenha no município.

Por outro lado também, pesquisas apontam a desidratação do então nome Cambuí e um crescimento de outro nome que desponta como verdadeiro representante da direita paulinense, o Coronel Furtado.

Existe hoje, devido a essa situação, um esvaziamento do PSL e seus simpatizantes, pois muitas figuras tenebrosas e arranjos obscuros rondam a legenda que deveria prezar pela moralidade mas o que se ouve nos bastidores é justamente o contrário.

Os simpatizantes da ideologia de direita que abominam a velha política e querem passar a cidade de Paulínia a limpo acabaram se identificando com o projeto de moralização e auditoria que o grupo do Coronel Furtado representa.

Coronel Furtado (PSC) parece ter angariado a simpatia da direita e atraído cada vez mais os que defendem a família e os bons costumes. Sem nenhuma rejeição e em constante crescimento nas pesquisas Coronel Furtado pode surpreender e acabar sendo a opção do eleitorado que está cansado da roubalheira e corrupção nos cofres da prefeitura de Paulínia.

Enquanto isso a promessa de um candidato forte pelo PSL de Paulínia como o Capitão Cambuí não passa de uma leve brisa que se configura como uma ilusão. Com o partido do PSL bagunçado e a coordenação sofrendo essa racha. A pergunta que fica no ar, será que vão conseguir disputar com força essa rápida eleição que esta as portas da cidade ???

Renúncia no PSL

Lucia Abadia foi ameaçada pelo Presidente Estadual do PSL de ser retirada da direção do partido em Paulínia e antes mesmo disso soltou uma nota pedindo renúncia do cargo.

A então ex presidente, que já não tinha a simpatia de movimentos de direita regionais e da cidade. E o então Capitão Cambuí que também não conseguiu angariar a simpatia dos movimentos de direita do município. Acabaram perdendo com essa briga.

Coronel Furtado

O projeto do (PSC) Coronel Furtado que é pela moralidade, honestidade e total intransigência na defesa da família, dos bons costumes e do combate a corrupção na cidade acabou ganhando a simpatia desse eleitorado que elegeu com 70% dos votos da cidade um novo momento para o Brasil e dessa forma o racha esvaziou e desidratou o PSL paulinense que se tornou a ilusão que hoje impera no município.


Autor Roger de Souza

Sou criativo, polêmico, autodidata por natureza e político por opção. Meus ideais de uma sociedade justa e igualitária estão no sangue. Sejam bem vindos a minha vida e ao mundo da informação dos bloggers.