Anúncio 680 x 110 px

Inverno baixa preços de ar condicionado em até 30%


Planejamento e antecipação são ferramentas para economizar

Boa parte do país está vivendo um inverno quente, com temperaturas atípicas para essa época do ano. Segundo os meteorologistas, esse fenômeno de verão fora de época acontece em anos com El Niño – fenômeno que provoca o aquecimento fora do normal das águas superficiais e sub-superficiais do Oceano Pacífico Equatorial.

No entanto, mesmo vivendo com temperaturas acima da média para o inverno, o hábito de consumo dos brasileiros faz com que a venda de aparelhos de ar condicionado caia substancialmente. Segundo uma pesquisa feita pelo site de comparação de preços Buscapé, para a coluna Seu Dinheiro, do site IG, os valores dos aparelhos de ar condicionado ficam cerca 30% mais baratos no inverno.
Sigam Portal MP no Twitter: @MPaulinia
A pesquisa se refere à compra on-line, que na maioria das vezes pode ser mais vantajosa, se comparada com os valores oferecidos na compra presencial do varejo. Ilanez Pereira, presidente da Air ClimaClean, franquia de instalação e manutenção de ar condicionado, aconselha que o consumidor pesquise muito e procure sempre fazer um comparativo de preços entre as lojas convencionais, lojas virtuais e revendedores, planejando bem para pagar menos.

Segundo o presidente da empresa, a baixa nos preços é resultado natural da redução da demanda nesta época do ano. Em contrapartida, no verão a procura por novos aparelhos, instalação e manutenção crescem significativamente, levando a um aumento nos preços, maior prazo de entrega e dificuldade em obter serviços de instalação e manutenção. “Para o consumidor, antecipar a compra é vantajoso não só pela economia no valor, mas também porque na baixa temporada a instalação é imediata. No calor, é mais difícil encontrar bons técnicos disponíveis”, ressalta Illanez.

Dados da Abrava (Associação Brasileira de Refrigeração, Ar Condicionado, Ventilação e Aquecimento) mostram que no último verão as vendas aumentaram cerca de 30% só no Sudeste. A estimativa é que o setor movimente em 2015 cerca de 15 milhões. “Esse montante é movimentado, em uma maioria, nos meses de calor, fazendo com que o mercado viva picos e vales de faturamento”, argumenta Pereira.

Portanto, o melhor para o consumidor é evitar os meses de alta e antecipar a compra para fazer um bom negócio. Cabe destacar que o inverno é a época ideal para fazer a limpeza e manutenção do equipamento, essenciais para aumentar a durabilidade do mesmo. Os órgãos reguladores recomendam, no mínimo, uma manutenção e limpeza a cada seis meses para manter o ambiente bem climatizado e livre de fungos.

Sobre a Air ClimaClean

http://www.airclimaclean.com.br/ /  (24) 3337-7129
A Air ClimaClean é uma franquia de instalação e manutenção de ar condicionado residencial, predial e comercial. Com investimento de R$ 45 mil, a franquia quer ampliar e qualificar prestadores de serviços na instalação e manutenção de ar condicionado em todo o Brasil. A empresa, que existe há 15 anos, tornou-se franquia recentemente e oferece ainda a consultoria para a compra do equipamento adequado para cada ambiente. O foco da marca é atingir as cidades com mais de 70 mil habitantes. O franqueado recebe todo o treinamento necessário, incluindo suporte técnico, captação de clientes, operacional, jurídico, comercial e financeiro para o bom desempenho do negócio. A expectativa é abrir cinco novas unidades até o fim de 2015 e mais 15 unidades até dezembro de 2016.



Compartilhar Google Plus

Autor Roger Dance

Sou criativo, polêmico, autodidata por natureza e político por opção. Meus ideais de uma sociedade justa e igualitária estão no sangue. Sejam bem vindos a minha vida e ao mundo da informação dos bloggers.