Anúncio 680 x 110 px

#ESTUDO - Sistema de aplicação de Políticas Públicas (Uma breve reflexão)


Esse artigo tem o objetivo de mostrar como a aplicação das políticas públicas é tratada em países desenvolvidos da Europa e serve para que possamos refletir sobre como em nosso país, estado e cidade deveríamos mudar a consciência e conceito da forma que é aplicado o dinheiro público e ações políticas para o desenvolvimento da sociedade como um todo.


Portal MP nas Redes - Facebook | Twitter |Youtube


Essa pesquisa teve como objetivo identificar a opinião, o conhecimento e a participação dos diversos dirigentes e executivos de organizações sobre a Proposta da Emenda Constitucional da Reforma Tributária, que foi aprovada pela Comissão Especial da Reforma Tributária do Congresso Nacional para ser votada pelo Legislativo, postergada para março de 2009.

A pesquisa fundamentou-se na formulação de políticas públicas dos países da União Européia, que definem uma visão estratégica futura, cujo horizonte é cerca de 20 anos ou mais, e as políticas públicas são implementadas no presente para que seja possível atingir o futuro planejado.

Esses países utilizam os Estudos Foresight Regionais ou Prospectivos Territoriais. A figura 1 abaixo ilustra o processo da formulação de políticas públicas nos países desenvolvidos ou em desenvolvimento, ressaltando os países da Europa Leste que integraram a União Européia nos últimos anos.


O Estudo Prospectivo Regional (País, Região ou Municípios) é o processo, que é delineado para trazer participantes-chave de diferentes grupos de agentes sociais, conforme ilustra a figura 1:


  1. Academia (comunidade científica de diversas disciplinas),
  2. Trabalhadores;
  3. Empresários;
  4. Governos;
  5. ONGs;
  6. E outros públicos ou grupos de consumidores.

O esforço de todos esses agentes juntos é olhar o futuro por meio de uma visão estratégica comum, preocupando-se com o longo prazo, envolvendo as diversas dimensões de forma integrada, entre elas:


  1. A demográfica;
  2. Econômica;
  3. Política;
  4. Tecnológica;
  5. Social;
  6. Legal;
  7. Ecológica;
  8. E cultural.


O processo de estudos prospectivos utiliza abordagens interativas e participativas, proporcionando debates e estudos exploratórios, que possam envolver uma ampla variedade de participantes, de forma que gere redes (networks).

Dessa forma, constrói-se uma visão estratégica, que tenha um senso compartilhado de comprometimento, atingido pelos processos de rede.

Ao final do processo elabora-se um relatório que serve de apoio ao executivo e legislativo para que as ações a serem executadas no presente o sejam por meio das políticas públicas.

Opinião do Roger


Na minha visão esse é um modelo de gestão que realmente pode liberar todo o potencial de uma sociedade. Com a participação de todos os seguimentos, a visão da forma de se aplicar os recursos, leis e esforços se tornam bem mais objetivos e justas.

Mas essa é a minha visão utópica da sociedade brasileira. Pois os interesses pessoais e de grupos ligados ao poder ainda falam bem mais alto, inclusive em nossa cidade.

Paulínia sendo polarizada em suas forças políticas como vem acontecendo a décadas, só traz prejuízos gigantescos para o nosso desenvolvimento.

O movimento que se faz necessário para a participação de toda a sociedade é algo que ainda carece de um amadurecimento. Mas não podemos deixar de perseguir esse sonho. Pois de outra forma a sociedade como um todo estaria fadada ao fracasso.

Minha contribuição esta sendo dada, através não somente desse artigo, mas de toda a estrutura de notícias do Portal MP e minha participação na vida política e social da cidade como um todo.

Pensem nisso, sejam seres irradiadores de solução para os problemas que afligem nossas vidas.




Compartilhar Google Plus

Autor Roger Dance

Sou criativo, polêmico, autodidata por natureza e político por opção. Meus ideais de uma sociedade justa e igualitária estão no sangue. Sejam bem vindos a minha vida e ao mundo da informação dos bloggers.