Anúncio 680 x 110 px

Conseguimos - O Triunfo do dia 7 de Setembro.

O Triunfo do dia 7 de Setembro!
É com alegria do dever cumprido que começo esta postagem. A "Comemoração Popular do 7 de Setembro" foi realmente um sucesso. Podemos nos orgulhar e dizer que Paulínia faz sim parte de um todo. Paulínia faz sim parte do Brasil. Não vai mais passar em branco devido a total falta de responsabilidade de um gestor em não realizar nosso tradicional evento o "Desfile de 7 de Setembro".

Início da Comemoração
Chegando ao local marcado do evento "Popular" já dei de encontro com uma de nossas manisfestantes do Facebook - a Vanusa Bombom - que merece nossa citação aqui no blog por ser a primeira brasileira que chegou ao local da comemoração.


Mais quero agradecer de coração a todos que lá estiveram e puderam mostrar seu amor pelo nosso país e contribuir com o crescimento de Paulínia. Todos sem exceção merecem meu total respeito, porque entenderam a mensagem que eu quis passar. Colaboraram e contribuíram grandemente para o êxito do evento.

Já estava dado o início de uma manhã patriótica. Logo chegou nosso carro de som e com isso colocamos uma música para agradar o ambiente. Foram chegando mais gente e a festa foi tomando forma. Pessoa vindas de todos os lados da cidade, vestidos com as cores do nosso país maravilhoso. Eu imagino aqui essas pessoas acordando de manhã e escolhendo aquela roupa que representa as grandeza de nosso Brasil. Uma camisa verde e amarela ou azul com um lenço na cabeça da bandeira estampada. Outros  com a própria bandeira brasileira em punho. Munidos de sua câmeras fotográficas para com orgulho registrar o momento. Aquele momento onde se tem prazer em ser brasileiro e fazer parte de uma nação linda com um povo guerreiro. Povo que todos os dias acordam cedo para dar ao país sua contribuição de progresso.

Essas pessoas que fizeram parte da "Comemoração Popular do 7 de Setembro" acordaram cedo sim e deram sua contribuição cívica de cidadãos honrados que são. Parabéns Brasil! Parabéns aos Brasileiros Paulinenses que ajudaram Paulínia a cumprir seu dever perante um país, honrando a cidade com essa nossa comemoração.


Cadê a Bandeira?
Logo que chegamos ao local marcado em frente ao prédio da Prefeitura Municipal de Paulínia nos deparamos com uma cena muito estranha. No mastro principal do pavilhão em frente ao paço municipal não se encontrava nosso símbolo maior hasteado. Nossa querida bandeira do Brasil não estava lá. Justamente no dia da comemoração que representa nossa independência não havia nenhuma bandeira em frente a Prefeitura. Um prédio que representa o símbolo de toda uma cidade estar sem nossa Bandeira Nacional é uma afronta e total falta de respeito ao sentimento patriótico. Por volta das 9:00 hs da manhã questionamos ao secretário da segurança que estava de passagem pelo local o porque da bandeira não estar lá. Prontamente fomos atendidos e colocaram imediatamente a bandeira onde ela deveria estar, no seu lugar de destaque. Graças ao Coronel Furtado foi possível corrigir essa gafe cometida pela administração pública de Paulínia.

Momento Solene
Lá pelas 10:00 hs da manhã mais ou menos demos início ao ato solene de hasteamento da bandeira nacional. Com nosso carro de som estrategicamente estacionado ao lado do pavilhão tocamos o hino brasileiro e gentilmente o nosso "Secretário da Segurança de Paulínia" - Tenente Coronel da PM "Ronaldo Pontes Furtado". Como única autoridade presente no momento, hasteou a bandeira nacional com a população que ali estava cantando em alto e bom som, a plenos pulmões o hino que nos causa tanto orgulho. Confesso que foi muito bonito o momento, trazendo o nosso objetivo a  aflorar na pele. O objetivo do sentimento de "Patriotismo".


Quero aqui agradecer sinceramente ao Coronel Furtado em nome de todos os manifestantes que lá estavam, pela sua postura íntegra e exemplar. Como um honrado militar e brasileiro nos prestigiou com sua participação. Dando uma enorme contribuição para o evento. deixando a nós paulinenses muito orgulhosos. Parabéns Coronel.
O Discurso.
Logo na sequência pedi para que colocassem o discurso que havia preparado. Como não tínhamos nenhum equipamento de som com microfone acordei bem cedo e gravei em casa mesmo no formato de Mp3 um breve discurso para que pudesse externar minha alegria e satisfação de estar ali naquela hora com meus irmãos de pátria. Segue logo abaixo em forma de texto o meu discurso para que todos leiam.

DISCURSO GRAVADO E COLOCADO NO ATO SOLENE DE HASTEAMENTO DA BANDEIRA.

Um brasileiro honrado.
Hoje levantei as 5 horas da manhã disposto a fazer a diferença, disposto a ser um brasileiro honrado pelo país que vivo. Então tomei a liberdade de escrever esse discurso.

Quero começar agradecendo a todas as pessoas presentes, aos pais e mães de família e suas crianças que no dia de hoje se colocaram de pé e vieram até aqui para representarem nossa cidade nesse acontecimento tão importante para o Brasil. Agradecer também a todos que de alguma forma nos ajudaram na elaboração da "Comemoração Popular do 7 de setembro. Paulinenses que fazem a diferença em nossa cidade.

A comemoração popular do 7 de setembro nasceu do anseio de muitos Paulinenses que se sentiram no dever de agraciar o sentimento patriótico. De fazer uma festa onde a população de nossa cidade pudesse se orgulhar do maravilhoso país em que vive e cria seus filhos. Não podemos esquecer que o Brasil não se faz só de política, não se faz só de capitalismo. Mas principalmente de pessoas. Pessoas trabalhadoras, cidadãos de bem que sonham sempre em poder dar a seus filhos uma vida melhor.

Para isso é preciso amar e respeitar nosso solo sagrado em que vivemos. É  preciso praticar o patriotismo e entender esse sentimento de amor pelo país em que se vive.

Busquemos no dia de hoje fazer uma reflexão de como está nosso país brasileiro. De como está nossa querida cidade de Paulínia. Hoje a administração pública de nosso município não está honrando o Brasil, não esta nos dando uma luz, uma bonita lição de como e ser brasileiro. Hoje dia 7 de setembro não vamos ter nosso tão esperado desfile. Por conta de um rodeio que se tornou mais importante do que nosso sentimento patriótico.

Mas muitos são os Paulinenses que não cruzaram os braços e com isso resolvemos fazer um ato cívico em respeito ao nosso país. Estamos hoje aqui orgulhosos de poder representar nosso Brasil e sua grandiosidade. Essa "Comemoração popular do 7 de setembro" vai ficar marcada na história de Paulínia como um ato de protesto contra o cancelamento de nosso desfile, mais também como um ato de amor e grande carinho pelo Brasil. Espero sinceramente que nossas gerações futuras não precisem mais passar por um momento desses.

Onde houve uma irresponsabilidade da atual administração em cancelar nosso desfile, nossa comemoração. Onde o povo teve que se mobilizar para comemoração da independência do brasil. E num ato de cidadania
orgulhar nosso querido país por não terem esquecido que são brasileiros. Graças a todos que hoje aqui estão. Paulínia não passará em branco. Paulínia não precisará se envergonhar perante toda uma nação. Somos hoje heróis da resistência. Heróis de uma cidade que seus governantes esqueceram o que é mais importante.

Mais nós não esqueçemos por isso estamos aqui. E como diriam nossos soldados das forças armadas brasileiras. - "Brasil acima de Tudo"

Muito Obrigado a todos.
Roger Dance - paulinense e brasileiro com orgulho.


Os Faces que lá estavam.
Durante o lançamento da campanha de "Comemoração Popular do 7 de Setembro" salientei várias vezes a importância das redes sociais na internet. São elas que hoje estão mudando várias coisas no mundo, inclusive ditaduras estão caindo por intermédio dessa ferramenta poderosa de comunicação em massa. Então quero salientar e ao mesmo tempo agradecer a todos os amigos do Facebook que lá estiveram e ajudaram a marcar uma página na história de Paulínia. São eles e elas:


Parabéns a todos vocês que provaram seu valor. Dando sua contribuição para a história. Viva as redes sociais, viva aos faces corajosos e guerreiros de ontem, hoje e amanhã.


Compartilhar Google Plus

Autor Roger Dance

Sou criativo, polêmico, autodidata por natureza e político por opção. Meus ideais de uma sociedade justa e igualitária estão no sangue. Sejam bem vindos a minha vida e ao mundo da informação dos bloggers.