Anúncio 680 x 110 px

#EleiçãoSINDICAL - Servidor COBRA transparência nas Eleições !!!


Roger ( como é conhecido ) já tendo 15 anos de profissão como Servidor Público e nesse tempo todo vem nutrindo um sentimento nobre pela  categoria a qual pertence. Percebeu a importância que se tem na dimensão do tamanho dessa família ocupacional. Querendo lutar cada vez mais para melhorar as condições profissionais e o reconhecimento financeiro dos trabalhadores que prestam serviços extremamente essenciais a comunidade paulinense como um todo.

Nesse contexto, sempre antenado, que ele acompanha de perto as eleições do sindicato dos servidores públicos de 2015. E com a preocupação de que tudo transcorra de maneira democrática e transparente é que acabou fazendo um requerimento com o intuito de averiguar a situação legal das três chapas inscritas para a eleição que se aproxima logo mais nos dias 16, 17 e 18 de junho.

Acabou sendo informado de algumas irregularidades, através de uma certidão que mostra a existência de débitos de alguns dos servidores que estão inscritos nas chapas. Sendo que num total de onze inscritos irregularmente, oito deles pertencem na Chapa 03. O que de acordo com o estatuto do Sindicato da Categoria inviabiliza a Chapa por não ter o quórum acima de vinte integrantes para poder concorrer.

Sigam Movimento Paulínia no Twitter: @MPaulinia

Dessa forma o servidor e sindicalizado Rogério D.P. de Souza, mais conhecido como Roger Dance, ingressou com um pedido de impugnação da Chapa 3 - OPÇÃO CERTA do então candidato a presidente Idu Albino Ribeiro, pois o mesmo possui 8 (oito) integrantes com existência de débitos na Instituição do Sindicato. O que vai contra as regras do Estatuto conforme o que dispõe o artigo 8º, letra 'a' combinado com o artigo 63º, incisos III, IV e V, § 1.º, letras 'd','f' 'g'.

Como rege também no Estatuto do Sindicato no artigo 70.º e seus parágrafos. Roger apresentou um pedido formal de impugnação da Chapa 3, uma vez que verificado a situação irregular de 8 (oito) membros integrantes da referida Chapa. A mesma de acordo com o artigo 71.º não consegue reunir um número mínimo de candidatos para compor a Chapa e dessa forma poder concorrer as eleições.

Diz o servidor Roger: "O processo eleitoral tem de ser democrático e lícito, com opções para que o servidor possa escolher com dignidade a diretoria que vai administrar nossa instituição do sindicato nos próximos cinco anos. Partindo desse pressuposto o funcionalismo merece transparência e chapas realmente compromissadas com a categoria."

O candidato a presidente Idu Albino Ribeiro recebeu a notificação no dia 22 de maio tendo um tempo para poder apresentar recurso junto a comissão eleitoral. Mas pelo que se pode averiguar a situação é bastante complicada.

Roger segue dizendo: "A Chapa 03 estando com inscrições totalmente irregulares já demonstra a total falta de zelo e despreparo, para poder administrar nosso patrimônio institucional que é o sindicato. O que acima de tudo já começa pela inscrição que tem de estar devidamente regularizada, mostrando assim a seriedade com que se deve tratar as eleições. E não com uma tentativa de golpe para querer burlar o regulamento do próprio estatuto que os mesmos deveriam defender."

Estou aqui para lutar pela democracia e as leis acima de tudo..." Finaliza Roger.



Compartilhar Google Plus

Autor Roger Dance

Sou criativo, polêmico, autodidata por natureza e político por opção. Meus ideais de uma sociedade justa e igualitária estão no sangue. Sejam bem vindos a minha vida e ao mundo da informação dos bloggers.